sábado, 2 de julho de 2011

Oscilações...


Esse termo para mim tem sua definição justamente em seu princípio...pois o final é pura imitação...
Oscilar tem como norma não seguir regras...
Sua diretriz é regida pelos fins de sua natureza...
Desculpem...eu sei...explico, replico, confundo, retorno e não chego a lugar nenhum...
Ou será que é isso mesmo?
A partir de agora minha inquietação reside na minha conclusiva indefinição...
Qual o seu fim?
Partindo da sentença que todo princípio encontra seu fim...o que será de mim?
Vejo muito disso por aí...aponto o dedo...mato alguns neurônios...perco muitas oportunidades em permanecer quieto...e ainda por cima tenho a cara de pau misturado com o receio obstinado na coragem em reconhecer isso quando olho no espelho...
...vai ver é isso mesmo...
...da forma que ajeito meu cabelo...é definido meu comportamento...

Nenhum comentário:

Postar um comentário