quinta-feira, 19 de maio de 2011

Ele Novamente...


Os novos esforços para os velhos acordos, estão em séria dificuldades em vingar...
Os dois cominhos para uma possível solução, não sei se me servem...
Mudar os esforços...resposta fácil...os estímulos para uma nova estamina podem ser inúmeros...mas estão perdidos no mar...
Em relação aos velhos acordos...puxa vida!...Não quero deixar à deriva minhas velhas ambições...desistir delas é fácil demais para os expectadores...mas pra mim isso é uma perda de memória, um ataque cardíaco, uma perda de caráter...
Talvez...a única opção que ainda me resguardo em aceitá-la publicamente...é o tempo...
Tempo é duro...tempo mata...tempo é obscuro...tempo estorva...tempo não limita...tempo é foda...

Um comentário:

  1. Na verdade, não é nem culpa do tempo...o tempo só é encarregado de nos mostrar aquilo que é pra ser...só temos que ter a sabedoria e maturidade de enxergar o que ele tem pra nos mostrar...qdo não enxergamos...é aí que culpamos o tempo...

    ResponderExcluir