sábado, 2 de abril de 2011

Eu Juro...


Se você sorrir a cada manhã
Eu juro que como pão com sua chimia de maçã

Se você me fizer cócegas sem dó
Eu juro que como a comida preferida de sua vó

Se você me fizer de palhaço
Eu juro que você não irá ganhar mais abraços

Se você acreditar em milagre
Eu juro que você não irá encontrar a felicidade

Se você me comprar com um tostão
Eu juro que posso pensar em alugar um coração

Agora...se você me pedir por favor...
Eu ju...não...de joelhos ninguém consegue amor...

Essa história de nenhuma forma é verdadeira...
Amor implorado...nem se for de brincadeira...

2 comentários:

  1. Lindo e verdadeiro...Amor implorado...nem se for de brincadeira...

    ResponderExcluir
  2. Amor implorado...nem se for de brincadeira... disse tudo!!!

    ResponderExcluir